24 de Agosto de 2018
Marketing Digital

10 dicas de como migrar sua empresa para o Marketing Digital

Se você ainda não começou esse processo, pode estar colocando em risco a existência do seu negócio.

Migrar ou não para Marketing Digital deixou de ser a principal questão para empresas hoje. Agora, o mais importante não é “se”, mas sim “como”. Já está sedimentada e bem aceita a noção de que estar no ambiente digital é importante, mas não adianta somente ter um site ou uma página no Facebook.

A exposição do seu produto em um ambiente digital precisa estar atrelada a uma estratégia com metas bem definidas, limite de gastos e análise de métricas, caso contrário será somente mais um peixe no oceano de informações que é a grande “world wide web”.

E pode parecer difícil realizar essa mudança quando sua empresa já cresceu, está bem estabelecida no mercado e tem uma estrutura sólida. Mexer em um time que está ganhando parece uma péssima ideia, mas acredite, seu time vai ficar no banco se você não entrar de cabeça na era digital.

É por isso que listamos 10 dicas para sua empresa, independente do tamanho, migrar para o marketing digital. Veja abaixo e não perca mais um minuto.

Tenha paciência

Mesmo com a melhor das consultorias ao seu lado, tenha em mente de que esse processo levará tempo. Sua empresa não estará no topo de referência de Marketing Digital em três meses. Paciência será sua melhor amiga nesse processo, é preciso ter um bom time, alinhar estratégias e criar um mindset para toda as áreas da empresa. Isso leva tempo.

Permita-se errar e aprender com os erros

Você não vai acertar de primeira. E isso parece óbvio, mas não é. Pode ser que contrate uma ferramenta que não faz sentido para o seu negócio, pode ser que entre em uma rede social que não tenha buzz para seu produto. Não encare os erros que você com certeza vai cometer como o fim do caminho e entenda que áreas voltadas para tecnologia funcionam muito na base de testes, não existe uma receita de bolo que todas as empresas seguem.

A sua equipe também vai precisar de tempo e espaço para errar, afinal de contas seu time de marketing não é expert no universo digital – ainda. Além de treinamento, eles precisarão poder aplicar o que aprenderem e, de novo, testarem novas estratégias. O bom lado disso é que no meio digital, estratégias podem ser reformuladas com mais facilidade e rapidez caso seja detectado que não estão cumprindo seu objetivo.

Use a tecnologia a seu favor

Existem muitas ferramentas à sua disposição para te ajudarem a colocar as melhores estratégias de marketing digital em prática. E é esperado que você fique extasiado com todas as possibilidades. Por isso é importante conversar com profissionais do meio e tentar entender o que faz sentido. A tecnologia é sua aliada, não a trate como um inimigo. Mesmo que nem sempre você entenda o que seus profissionais estão dizendo, mantenha uma mente e postura abertas.

Monte seu Dream Team

Ter seu “time dos sonhos” na área de marketing digital não significa somente contratar novos funcionários que entendam tudo do assunto, mas também investir na equipe que você já possui, pois são eles que entendem da empresa na qual trabalham e do seu negócio. Sua equipe de marketing deve, sim, ser atualizada. E trazer novos profissionais de novas áreas é sempre um ganho, mas o ganho será maior se você aliar isso à um time que já sabe vender sua empresa.

Prepare o RH

O que a área de Recursos Humanos tem a ver com Marketing Digital? Tudo e mais um pouco. Seu RH precisa estar preparado para captar novos talentos na área digital, isso significa que algumas mudanças em termos de flexibilidade de horário e dress code (fora com vestimentas formais!) precisam ser feitas. Se sua empresa está entrando na era digital agora, não basta somente contratar um programador web full stack e um coordenador de mídias sociais, é preciso ir além e implementar uma cultura digital na empresa – e isso começa pela modernização do RH.

+ Descubra aqui como implementar uma cultura digital na sua empresa

Cultura nova para todo mundo

Continuando a conversa sobre cultura digital do item anterior, incentive todas as áreas da sua empresa a participarem desta nova fase. Uma cultura digital impacta (positivamente) todos os setores: logística, vendas, manufatura. Não tenha medo de aplicar Metodologias Ágeis em suas equipes; crie metas para aumentar a produtividade em vez de exigir que os funcionários batam cartão; tenha constantes e rápidas reuniões para sentir o que as pessoas que trabalham na empresa sentem a respeito da mudança e como elas podem contribuir para o sucesso desta transição.

Experiência do Usuário > Produto

No mundo digital não é só o seu produto que conta. Todo mundo tem um produto para vender. O diferencial está na experiência que você oferece ao seu consumidor. Como foi a experiência durante a jornada da compra? Como ele chegou até sua empresa? O cliente ganhou algum tipo de degustação do seu produto? Como foi o atendimento inicial? O que o fez fechar a compra do produto? Como foi o atendimento quando o cliente veio até você com um problema?

Todas essas perguntas são importantes para garantir que seu cliente não só compre seu produto, mas também saia satisfeito. Seu produto pode ser excelente e o melhor do mercado, mas se ele tem problemas navegando no seu e-commerce, não haverá dúvida em ir para o concorrente com navegação simples e a opção de “compra com um clique”.

Escute seu público

O marketing tradicional sempre foi definido como sendo uma única via de comunicação: Empresa – Público. Agora, com o Marketing Digital, o jogo virou e suas campanhas têm resposta praticamente imediata. Por isso temos tantos bons exemplos de “o que não fazer no marketing digital”, pois conseguimos medir imediatamente campanhas com buzz negativo e geralmente demora menos de 24 horas para empresas tirarem do ar campanhas nas quais trabalharam por meses.

Isso pode parecer frustrante e até uma derrota, mas é importante escutar seu público. E, novamente, aprender com isso. De nada adianta entregar uma campanha incrível se seu público não se sente confortável com ela. E estando no ambiente digital, os meios para expressar uma insatisfação são vários: Facebook, Instagram, Twitter, TripAdvisor, ReclameAqui, Conar, entre outros.

Todos esses canais estão a um toque de distância para o usuário. E você precisa estar atento ao que acontece em todos eles. Por isso, é importante ter um atendimento forte e unido, que resolva rapidamente às demandas dos clientes e que os escute, trazendo suas reclamações para dentro da empresa para que possam ser debatidas e revisadas.

Planejamento + Análise = Resultados

Mesmo que sua empresa esteja no mercado há 20 anos e você seja CEO há pelo menos 10, toda essa bagagem e conhecimento não são mais o suficiente para tomar decisões estratégicas. Na era digital, dados são seus melhores amigos.

É possível metrificar todas as etapas da jornada do consumidor, saber quanto tempo ele esteve em suas página e a quantas andam as interações nas redes sociais. Não descarte essa fonte rica de insights nem o tempo de seus profissionais querendo criar estratégias baseadas em “feeling” e conhecimento de mercado.

O mercado mudou, por isso sua empresa está migrando para o marketing digital. Quando a sua estratégia envolve criar campanhas de médio, curto e longo prazo, analisar os resultados e fazer testes A/B, as chances de sucesso são significativamente maiores.

Não se acomode

Você seguiu todas as nove dicas anteriores e agora sua empresa navega com tranquilidade pelo marketing digital, você conseguiu ter uma equipe forte e coesa, seu RH está preparado para captar talentos da área e toda a empresa está envolvida nessa nova e próspera fase.

Mas não pense que acabou por aí. O mundo digital é fluído e está em constante mudanças, novas ferramentas e metodologias podem surgir a cada dia. E é importante saber abraçar isso e não se acomodar no sucesso já conquistado.

Mantenha-se antenado nas últimas tendências de Marketing Digital e tecnologia, participe de Summits, envie seus funcionários a palestras, conferências e workshops para manterem-se atualizados. E, mais importante, não tenha medo da mudança constante. E mantenha em mente que cada mudança, você e sua empresa vão voltar para o primeiro item lá em cima: paciência. E começar tudo de novo.

Quer saber como liderar uma estratégia digital na sua área? Conheça o nosso programa de imersão para líderes em Marketing Digital.

Quero saber mais sobre o curso
Comentários